A Associação Brasileira de Distribuidoras de Energia Elétrica (Abradee), em parceria com 46 distribuidoras, realiza de 13 a 19 de agosto a VII Semana Nacional da Segurança da População com Energia Elétrica. A intenção é alcançar cerca de 160 milhões de pessoas em todo o país.


Em 2011, em todo o Brasil, 856 pessoas se acidentaram por contato com os fios da rede das concessionárias de energia elétrica, resultando em 315 mortes. O número de acidentados e mortes representa um aumento em relação a 2010, que foi de 817 e 305, respectivamente. Entre os 14 tipos de ocorrências registradas, a construção e manutenção predial lideram o ranking com 82 mortes, seguida da ligação elétrica clandestina com 60 óbitos.

Em Catanduva, de acordo com o sargento do Corpo de Bombeiros, Otsuka, nos últimos cinco anos a corporação chegou a registrar apenas um registro de ocorrência de acidente envolvendo eletricidade. “A estatística de acidentes não é precisa pelo fato de serem as vitimas socorridas pelo Corpo de Bombeiros, SAMU, Ambulâncias particulares e até mesmo pelos familiares”, destacou.  A assessoria de comunicação da Fundação Padre Albino informou que no período de janeiro de 2011 a julho de 2012, a unidade chegou a atender dez pacientes, sendo quatro só neste primeiro semestre.

“Em 2011, a Unidade de Tratamento para Queimados – UTQ do Hospital Padre Albino – HPA atendeu seis casos de queimaduras por choque elétrico. De janeiro a julho de 2012 foram registrados quatro atendimentos deste tipo”.

A Companhia Nacional de Energia Elétrica, uma empresa Rede Energia, programou blitz nos pontos de maior circulação popular de Catanduva, pátio da Prefeitura e na construção civil, além de palestras em escolas. 

Com o slogan “Segurança – Faça uma escolha pela vida”, a proposta da Abradee em parceria com as distribuidoras de todo o país é conscientizar a população sobre a sua responsabilidade na prevenção dos acidentes.

“Nossa proposta é, por meio de nossos técnicos, eletricistas e Cipeiros, levar para toda a concessão da empresa as orientações sobre os perigos da eletricidade, como evitar o choque e o acidente com energia elétrica. Um esforço para que a população utilize energia elétrica com segurança, sem acidentes”, declarou o gerente regional da Companhia Nacional de Energia Elétrica, Erick Gustavo Borges Sampaio.

Através do capitão comandante, Edmilson Santana Branco, o Corpo de Bombeiros de Catanduva recomenda com medidas de segurança em caráter de prevenção, para que crianças evitem soltar pipas em dias de chuva, solte pipas apenas em lugares abertos, que os pais protejam as tomadas com dispositivos de segurança, evitando que crianças se acidentem ao colocar objetos nos orifícios das mesmas. 



Fonte: http://www.oregional.com.br/portal/detalhe-noticia.asp?Not=285787